Sejam todos bem vindos ao meu blog.

Massagem relaxante.

Massagem relaxante.
Fone : 048-30243772 . Msn- Maramassagem@hotmail.com

Páginas

quarta-feira, 8 de julho de 2015

Terapia das Pedras quentes alivia dores musculares e ajuda a relaxar.

Os antigos povos do oriente e do ocidente usavam a Geoterapia, e em especial as pedras e cristais, para amenizar e cuidar de desequilíbrios físicos, emocionais e energéticos,ultimamente a busca por essas técnicas vem crescendo, especialmente a Terapia das Pedras Quentes. Terapia das Pedras quentes auxilia no relaxamento corporal e é eficiente no tratamento das dores musculares no geral, costas e nas dores de cabeça,pois une a Terapia Térmica (quente e frio) com a Geoterapia, que se utiliza das pedras e cristais, e a Terapia Corporal, normalmente são utilizadas pedras de Basalto de Amidalóide (seixos de rio) e Ágatas, mas para uma resposta terapêutica mais profunda, a escolha de cristais e pedras relacionadas ao momento do cliente traz uma melhor resposta, pois trabalha a causa e o efeito. As pedras fixas, que podem ser quartzos brancos, quartzos verdes e jaspes, são posicionadas em pontos chaves como os pés, mãos, costas, abdômen e olhos, nas costas, por exemplo, elas aquecem a região onde ficam os meridianos do movimento água, que correspondem aos ossos, aliviando as dores relacionadas, já as pedras móveis, geralmente quartzos brancos rolados, necessitam de um óleo ou creme relaxante para serem manipuladas no corpo com um atrito agradável. As pedras acumulam energia térmica, tanto fria quanto quente, mas se associarmos ao que a pedra ou cristal já traz como característica, além de manter quente ou frio por mais tempo, estaremos utilizando a sensação térmica natural da própria pedra ou cristal, potencializando resultados, um exemplo disso é o quartzo fumê (que tornou-se "fumê" pela exposição prolongada ao calor) reterá calor por mais tempo do que uma água-marinha. Um atendimento utilizando a terapia das pedras quentes proporciona uma forma eficiente e natural de bem-estar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário